08 novembro 2010

Criando Asas

Muitas vezes é preciso borboletar-se, criar asas e voar....


Para assistir o vídeo sem interrupção clique no play em seguida o pause, deixe-o carregar por alguns instantes, clique o play novamente.


* Fonte youtube

2 comentários:

Sou Mulher ... disse...

Olá Josy!
Adorei vir aqui. Hoje, ao me levantar deparei com uma borboleta enorme na minha copa...depois, ao caminhar no parque, fotografei uma outra, quietinha ali, pousada na árvore. As duas me lembraram de como sou preguiçosa e gosto de ficar confortável na minha casa, no meu lar onde me sinto bem e segura.
Então vim agora ler seu post. tudo está combinando para que eu inicie mesmo um processo que estava tentando há algum tempo.Acho que vou começar a realizá-lo amanhã...passo a passo.
Beijos, Vera.

Malu Muniz disse...

´Simplesmente Liiiiinnnndo!! Caramba Josy! Voce foi fundo!! E assim somos nós meeesmo! feliz d'aquele que percebe todo esse processo "da vida", e passa pelas "fases", com plena consciência... e o mais importante, é realmente, quando se cria asas, e deixa o casulo. Parabéns Niêga. Muitas vezes, ler uma postagem sua, nos emociona, (dessa vez, não foi diferente). É por isso que eu falo, que muitas vezes, voce nos coloca dentro das suas postagens.
E como sempre, voce foi muito feliz, nessa escolha. Que Deus continue te iluminando.
Um grande beijo, no seu coração.

Postar um comentário